domingo, 30 de janeiro de 2011

Dica de Férias

Refúgios de praia: as melhores pousadas do Brasil

Quando chega o verão, seu desejo é passar os dias com os pés na areia, mas longe de quiosques apinhados? A revista CLAUDIA seleciona 6 refúgios de praia


Fazenda Calá, Praia do Espelho Bahia - Foto: Divulgação

Bahia: Praia do Espelho, Fazenda Calá


Apesar das falésias e piscinas naturais, que lembram quadros, a região ficou famosa pelos bares pé-na-areia com almofadões e por ser território de vips. Mas o burburinho de bares e pousadas se concentra mesmo no gramadão de Curuípe, que muitos confundem com a praia do Espelho. A verdadeira Espelho fica logo depois e, ali, ainda hoje pouca gente dá o ar da graça. É lá que está a aconchegante Fazenda Calá, com comodidades como serviço de praia sob tendas, cavalos, barcos, massagem e ioga para quem marcar. Seus oito chalés oferecem camas king size, terraço com vista para o mar e muito charme. Um agrado para os hóspedes: chazinho com bolo é servido o dia todo sem custo extra. 
Vila Kalango, Jericoacoara Ceará - Foto: Divulgação
Vila Kalango. Foto: Divulgação

Ceará: Jericoacoara, Vila Kalango


A vila da praia de Jericoacoara tem apenas cinco ruas. Encravada no município de Jijoca, é separada da área urbana por uma faixa de 20 quilômetros de dunas. A travessia, feita em caminhões adaptados e veículos 4 x 4, leva, de um lado, ao mar, de um verde-intenso, e, do outro, à duna do Pôr-do-Sol, camarote perfeito para ver o sol mergulhar no mar todo fim de tarde. Apesar de isolada, Jeri tem restaurante para todos os gostos, cibercafé e pousadas confortáveis. A Vila Kalango é uma delas. Cercada por coqueiros e cajueiros, tem piscina com vista para o mar e lounge com redes, sofás e almofadões sobre a areia. Para se acomodar, há palafitas (chalés construídos a 3 metros do chão sobre colunas de eucalipto) e 24 quartos com varanda.

Pousada Solar do Mirador, Praia do Rosa - Foto: Divulgação
Solar Mirador. Foto: Divulgação

Santa Catarina: Praia do Rosa, Solar Mirador 


É para quem gosta da dobradinha natureza e balada. De areia muito branca, a praia do Rosa é famosa pelas ondas e encostas de mata. No topo de um dos morros, fica a Solar Mirador. Dali, a partir de qualquer ponto, avista-se toda a orla. Uma trilha entre bromélias leva à lagoa do Meio, cartão-postal do lugar e local preferido de famílias com filhos. Os 12 quartos do Solar oferecem mimos – como lençóis e toalhas de algodão egípcio, travesseiro de plumas e flores frescas –, CD player, DVD e TV a cabo. Todos têm terraço com rede e três deles contam com banheira de hidromassagem ao ar livre. Para quem adora uma mordomia, oferece sauna e massagem em um gazebo instalado na mata.

Pousada Borapirá Alagoas- Foto: Divulgação
Pousada Borapirá. Foto: Divulgação

Alagoas: Tatuamunha, Pousada Borapirá 


Se o projeto é viajar com a família, mas fugindo da megaestrutura dos resorts, esse é o lugar. Situada em Porto das Pedras, a praia de Tatuamunha tem piscinas naturais e fica na Rota Ecológica, uma faixa de 40 quilômetros de litoral preservada pela localização: no trecho em que a estrada principal se desvia para o interior, afastando o turismo de um dia só. Com mar calmo e enfeitada por coqueiros, a praia recebe a foz do rio Tatuamunha, abrigo natural de peixes-boi. A Borapirá, ao lado do rio, é uma das poucas pousadas da região voltadas para famílias. Tem piscina grande, contornada por coqueiros, e 15 chalés com ar-condicionado, TV com DVD, cama king size, ventilador de teto e varanda com rede e espreguiçadeira.
Pousada Oka da Mata Praia da Pipa- Foto: Divulgação
Oka da Mata. Foto: Divulgação

Rio Grande do Norte: Praia da Pipa, Oka da Mata


Cercada de falésias, a Pipa já foi reduto de surfistas e hoje é a praia mais chique do estado, com restaurantes bacanas e até lojas de grife. Atualmente, suas areias são território de bares e famílias e, 2 quilômetros ao sul, na linda praia do Amor, fica a turma do surfe. A pedida é curtir essa diversidade durante o dia e, à noite, contar com um refúgio no meio do mato para relaxar. E lá está a Oka da Mata, situada em um ponto elevado e cercada de verde, com vista para o mar de qualquer canto da pousada: da piscina arredondada, do restaurante ou da estilosa sala com varanda imensa e paredes de pedra. Os 18 quartos, também com vista para o mar, têm decoração em estilo casual e confortos como TV de LCD, DVD, ar-condicionado, cama king size, frigobar, ponto de acesso à internet e secador de cabelo.
Pontal dos Carneiros, Pernambuco - Foto: Divulgação
Pontal dos Carneiros. Foto: Divulgação

Pernambuco: Carneiros, Pontal dos Carneiros Beach Bungalows


Imagine um mar de azul-intenso, com piscinas naturais e areia branquíssima. E imagine ter um cantinho só seu no meio desse paraíso. Essa é a sensação de uma temporada na pousada Pontal dos Carneiros, na praia dos Carneiros, a 95 quilômetros de Recife. Com quadra para vôlei de praia, salão de jogos, DVDteca, playground e aves ornamentais, o lugar tem 12 bangalôs de dois andares, com varanda, rede e cozinha completa. Oito deles acomodam seis pessoas em três quartos e são equipados com cama box, ar-condicionado, TV, DVD e som. Os outros quatro, com banheira de hidromassagem, são para casal. 

sábado, 22 de janeiro de 2011

Dica de Férias

Agora estarei trazendo de vez em quando dica para férias ou para um final de semana.
Para começar vamos trazer o Rio de Janeiro.

Maior ilha da baía de Angra dos Reis, Ilha Grande reúne mais de cem praias - entre elas, algumas das mais bonitas do Sudeste brasileiro, como Lopes Mendes, Aventureiro e Cachadaço. O arquipélago, entretanto, oferece mais que cenários idílicos. As águas cristalinas abrigam rica vida marinha; as trilhas em meio à mata Atlântica que levam às enseadas descortinam ainda rios e cachoeiras; e o clima rústico é garantido pela informalidade da Vila do Abraão, o centrinho da ilha, e a ausência de carros - para chegar lá, só de barco, partindo de Angra ou Mangaratiba, em viagem de cerca de uma hora e meia.
Praia do Aventureiro: Cenário é digno de uma obra de arte
O acesso pouco convencional é apenas um dos fatores que contribui para que a Ilha Grande continue com o astral de aldeia de pescadores, embora nos feriados e na alta temporada o movimento seja intenso. Os outros motivos ficam por conta da transformação da região em Parque Estadual e Reserva Biológica, o que colaborou para por fim aos acampamentos e construções irregulares. Também a existência de um presídio de segurança máxima - desativado em 1994 - contribuiu para o isolamento da ilha por muitas décadas.
Barcos levam à Lagoa Azul, aquário natural e um dos cartões-postais da região
A natureza exuberante faz com que o dia comece cedo na Ilha Grande - não dá para dormir muito levando em conta a infinidade de atrativos a serem descobertos durante os passeios. De barco, chega-se à Lagoa Azul, aquário natural e um dos cartões-postais da região em função da transparência das águas e da quantidade de peixes coloridos e estrelas-do-mar. Para os mergulhadores credenciados, os pontos de parada são os muitos naufrágios e as lajes repletas de tartarugas, robalos e moréias. Já caminhando - há trilhas para todas as praias -, o roteiro principal é o que conduz à paradisíaca paisagem formada pelas areias finas e brancas e o mar azul esverdeado de Lopes Mendes.

Para entrar no clima da ilha, circule pela Vila do Abraão, onde estão pousadas, restaurantes simples e bares com espaço de sobra para dançar forró a noite toda. Já para experimentar os melhores pratos de frutos do mar da região, inclua no passeio de barco a enseada do Saco do Céu. Por lá estão o rústico Coqueiro Verde e o sofisticado Reis e Magos, que servem moquecas e paellas à altura das vistas que descortinam.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Aviso

Vem Pesquisar!